Cerâmica Industrial
https://ceramicaindustrial.org.br/article/doi/10.4322/cerind.2021.001
Cerâmica Industrial
Regular Revestimentos cerâmicos

O gretamento de placas cerâmicas esmaltadas revisitado

Fabio G. Melchiades, Anselmo O. Boschi

Downloads: 1
Views: 328

Resumo

O gretamento de produtos cerâmicos esmaltados ocupou lugar de destaque nas pesquisas dedicadas aos materiais cerâmicos na primeira metade do século passado. Como fruto de excelentes trabalhos de muitos pesquisadores em todo o mundo, as condições que levam ao gretamento foram identificadas assim como as medidas necessárias para evitá-lo ou fazer com que ele ocorra. Entretanto, desde então, muita coisa mudou, tanto no que se refere aos processos produtivos, como aos produtos. É nesse contexto que se faz necessário revisitar o tema com o objetivo de atualizar o entendimento desse fenômeno nos processos e produtos atuais. Em vista da grande diversidade de produtos cerâmicos esmaltados, optou-se por focar nesta revisão as placas cerâmicas para revestimento (pisos e azulejos) e mais especificamente nos revestimentos porosos e semi-porosos, que são os que apresentam maior tendência ao gretamento, ainda que produtos mais vitrificados, como os porcelanatos, também possam manifestar essa patologia. A metodologia adotada foi baseada na revisão da literatura especializadas.

Palavras-chave

Resistência ao gretamento; Revestimentos cerâmicos; Tração; Esmaltes; Retração de argamassas.
6108079da9539546f34f29a3 ci Articles
Links & Downloads

Cerâm. ind.

Share this page
Page Sections