Cerâmica Industrial
http://ceramicaindustrial.org.br/article/doi/10.4322/cerind.2018.017
Cerâmica Industrial
Artigo

Efeito da Substituição de Feldspato por Vidro Precursor de Vitrocerâmico a Base de Cordierita no Comportamento Térmico e nas Propriedades Tecnológicas de Uma Massa de Porcelanato

Oscar Rubem Klegues Montedo, Thays de Oliveira Guidolin, Antonio Pedro Novaes de Oliveira

Downloads: 0
Views: 40

Resumo

Porcelanato é um revestimento cerâmico de elevado valor técnico e comercial, e que, de acordo com a ABNT NBR 15463:2007, deve apresentar absorção de água igual ou inferior a 0,5%. São produzidos a partir de matérias-primas argilosas, quartzo e feldspatos a temperaturas em torno de 1200 °C. Os feldspatos têm a função de facilitar a densificação do material por meio de sinterização por formação de fase líquida. Entretanto, grandes quantidades de fase vítrea residual são formadas no resfriamento, fragilizando o material. Uma alternativa para minimizar esta fragilidade, seria a substituição parcial ou total do feldspato por um vidro precursor de uma composição vitrocerâmica. Esta composição produziria líquido no aquecimento, mas cristalizaria no resfriamento, reduzindo a fragilidade e, possivelmente, a deformabilidade do material obtido. Assim, este trabalho teve por objetivo a avaliação do emprego de uma composição vitrocerâmica a base de cordierita para melhorar a densificação e as propriedades técnicas de porcelanatos. Diferentes adições de uma frita cerâmica a base de cordierita a uma composição de porcelanato foram efetuadas. O comportamento de cada composição foi avaliado por dilatometria óptica. Corpos de prova foram queimados em diferentes temperaturas, de acordo com seu comportamento térmico. Os corpos de prova sinterizados foram caracterizados para se avaliar a absorção de água, a microestrutura e a resistência mecânica à flexão. Os resultados mostraram que a composição C1, com substituição de 11,25% em massa de feldspato pela frita, apresentou o melhor desempenho, aumentando o módulo de elasticidade e a resistência mecânica à flexão e reduzindo a absorção de água e a deformação piroplástica.

Palavras-chave

materiais cerâmicos, porcelanato, vitrocerâmicos, cordierita, propriedades tecnológicas.

Referências

[1] ANFACER (São Paulo). O mercado brasileiro: A Indústria Brasileira de Cerâmica Para Revestimento. 2018. Disponível em: . Acesso em: 21 junho 2018.

[2] PINHEIRO, Bruno Carlos Alves; SILVA, Ângelus Giuseppe Pereira da; HOLANDA, José Nilson França de. Uso de Matérias-Primas do Rio Grande do Norte na Preparação de Massa Cerâmica para Grês Porcelanato. Cerâmica Industrial, Campos dos Goytacazes, p.1, jan. 2010.

[3] ZANELLI, C. et al. The vitreous phase of porcelain stoneware: Composition, evolution during sintering and physical properties. Journal of Non-crystalline Solids, Faenza, págs.1-10, jun. 2011.

[4] COELHO, José M.; SUSLICK, Saul B.; SOUZA, Maria Carolina A.F. de. Uma Abordagem sobre a Indústria de Feldspato no Brasil. Cerâmica Industrial, Urca, v. 5, n. 1, p.37-42, fev. 2000.

[5] STRNAD, Z. Glass-Ceramic Materials: Glass Science and Technology. Amsterdam: Elsevier; 1986.

[6] HÖLAND, W.; BEALL, G. Glass-Ceramic Technology. Westerville: American Ceramic Society; 2002.

[7] MONTEDO, O.R.K.; MILAK, P.C.; FALLER, C.A.; PETERSON, M.; ANGIOLETTO, E.; DE NONI JR., A. Effect of LZSA Glass-Ceramic Addition on Pressureless Sintered Alumina. Part I: Grain Growth, Materials Research, 20(4), 2017, 1024-1028. DOI: 10.1590/1980- 5373-MR-2016-0964

[8] MONTEDO, O.R.K.; MILAK, P.C.; FALLER, C.A.; PETERSON, M.; DE NONI JR., A. Effect of LZSA GlassCeramic Addition on Pressureless Sintered Alumina. Part II: Mechanical Behavior, Materials Research, 21(1), 2018, e20170012. DOI: 10.1590/1980-5373-MR-2017-0012

[9] MENEGAZZO, A.P.M.; PASCHOAL, J.O.A.; ANDRADE, A.M.; CARVALHO, J.C.; GOUVÊA, D. Avaliação da Resistência Mecânica e Módulo de Weibull de Produtos Tipo Grês Porcelanato e Granito. Cerâmica Industrial, 7 (1), 2002, 24-32

5bcf68050e882575651f4c08 ci Articles
Links & Downloads

Cerâm. ind.

Share this page
Page Sections